sábado, 9 de dezembro de 2006

Era tudo tão intensamente lindo, brilhante, surreal, dilacerante... tudo tão perfeito que eu não queria que acabasse tão rápido. Chorei, ri, lembrei, cantei, me emocionei. Deus estava na minha frente, bem diante dos meu olhos e eu, como uma fiel súdita, fiz o que podia, reverenciei.
Suspirando (ainda...)

6 comentários:

Gabi pkna! disse...

Juro que se eu tb tivesse ido, tb choraria, sorriria, lambraria, cantaria e me emocionaria.
Chico É e ponto. não se explica, se sente.

obrigada por me fornecer frases, pensamentos e dizeres bakanas aki no seu flog,rs.. gosto mto dele e d vc, rs!

bjs gatinha!

C. disse...

Quase chorei lendo esse post... Não o vi quando por aqui passou e ainda me contorço por isso... Mas fico feliz por você ter aproveitado!

Então, meu post Delicate é uma música linda, que eu recebi de uma pessoinha, do outro lado do Atlântico e não me canso nunca de ouvi-lá. Já que você gosta de sentir uma canção essa é maravilhosa. É do Damien Rice, muito linda mesmo. Escute-a e depois me diga.

Beijo meu

Uma mulher disse...

....tbm sinto saudade....hj sei quem realmente é meu amigo...obrigada por fazer parte disso...amo vc...

o último texto não é meu, é do Caio.F abreu...mas me identifiquei, é um momento q vivo.estava sem net por isso o sumisso, bjs

Lili disse...

Depois de contar os diasssss finalmente vc foi!
Que bom q se sentiu tão feliz simplismente por vc!!!
Se eu tivesse ido tamb teria chorado... esse cara eh foda!
Beijo dona mariaaaa

lucy in the sky disse...

puxa... chico buarque!

um grande "pedaço de mim" está com ele!

t invejo!
(hahahaha)

beijos

Dark Sad Angel Girl disse...

Ele fala doce, com calma, aquilo que a minha garganta engasga num grito abafado...